Chegando as vacinas, vamos iniciar imediatamente a campanha em Itapevi, diz prefeito Igor Soares

0

Após a Anvisa autorizar por unanimidade o uso emergencial das vacinas Coronovac e de Oxford contra a Covid-19, o prefeto Igor Soares declara que Itapevi está preparada para começar a vacinação

Muito feliz em saber que as duas vacinas , do Instituto Butantan e da Fiocruz, foram aprovadas

Uma vitória para todos nós brasileiros que desejamos muito voltar à normalidade.

Assim que Itapevi receber as vacinas, vamos iniciar imediatamente a campanha. Já está tudo organizado! Serão 15 postos de vacinação na cidade para não haver aglomeração, insumos já garantidos e profissionais preparados.

Apesar de as vacinas terem sido aprovadas, a pandemia continua. Por favor, não se aglomerem, utilizem máscaras e vamos em breve imunizar os que mais precisam.

Amanhã, às 19 horas, farei uma transmissão ao vivo aqui para passar mais informações.

Com fé em Deus, em breve, teremos a oportunidade de nos abraçar, de aglomerar, como na foto da época da inauguração do Bom Prato, de circular com segurança, de visitar nossos amigos e parentes.

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) autorizou neste domingo (17), por unanimidade, o uso emergencial das vacinas Coronavac e da Universidade de Oxford contra a Covid-19. A reunião que discutiu o tema durou cerca de 5 horas.

Os diretores acompanharam o voto de Meiruze Freitas, relatora dos pedidos. No caso da Coronavac, a diretora condicionou a aprovação à assinatura de termo de compromisso e publicação em “Diário Oficial”.

Segundo a Anvisa, somente o termo de compromisso assinado pelo Instituto Butantan precisa ser publicado no “Diário Oficial da União”, o que pode acontecer ainda neste domingo (17) em edição extra. De acordo com a agência, o termo já está pronto e será enviado ao instituto para ser assinado e publicado assim que assinado.

O termo de compromisso prevendo o envio, até o dia 28 de fevereiro, dos resultados sobre a imunogenicidade da CoronaVac foi uma das exigências da relatora do processo para o uso emergencial. A imunogenicidade é a capacidade que uma vacina tem de estimular o sistema imunológico a produzir anticorpos.

Ao proclamar o resultado, o diretor-presidente da Anvisa, Antônio Barra Torres, afirmou:

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here