Mulher acusa homem de assédio em trem da CPTM

0

 

 foi levado a uma delegacia por suspeita de assédio sexual contra uma passageira dentro do vagão de trem em São Paulo. O caso ocorreu na noite de segunda-feira (30) na Estação Brás da Linha 10-Turquesa da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM).

A mulher ainda relatou que o homem tentou agredi-la ao descer na estação Brás. A versão dela foi confirmada por uma testemunha.

Funcionários responsáveis pela segurança do local acompanharam a passageira, de 28 anos, e o suspeito, de 31, para uma delegacia para que a queixa de assédio fosse registrada. Segundo informou a assessoria de imprensa da Secretaria da Segurança (SSP), o homem não foi detido e os dois foram espontaneamente.

O caso será investigado pela Delegacia do Metropolitano (Delpom), na Barra Funda, Zona Oeste.

Lá, a passageira relatou aos policiais que foi assediada pelo homem por volta das 18h30 quando estava sentada num banco, dentro do vagão do trem, no sentido Rio Grande da Serra-Brás. Em seguida, o homem teria começado a se esfregar em seu ombro. A funcionária pública disse que mudou de lugar, mas o sujeito a seguiu e sentou-se ao lado dela.

Ela falou que pediu para ele sair e deixá-la em paz, mas o homem começou uma confusão que só terminou na plataforma do Brás, quando a passageira desceu do trem e chamou os guardas do local.

Na delegacia, a mulher contou ter sofrido assédio no vagão e que quase foi agredida pelo homem na plataforma. Uma testemunha confirmou a versão da vítima. O suspeito negou o crime e ameaçou a funcionária a provar o que estava dizendo, senão a processaria por mentir.

A polícia registrou boletim de ocorrência por “importunação sexual”. A CPTM deverá fornecer as imagens à investigação em até três dias. Não há confirmação se as imagens gravadas pela vítima foram cedidas à polícia.

De acordo com a SSP, o homem foi liberado após dar sua versão e negar o crime. A polícia orientou a mulher sobre o prazo para fazer uma representação contra o suspeito.

Fonte “G1
COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here